Só por enquanto…

Enquanto seu protesto estiver nas palavras. Espero que tenha o bom senso de sair da frente e deixar quem faz, continuar fazendo. 
Enquanto suas palavras forem “não vai dar certo”, “é impossível” ou “vamos falhar”, sugiro seu mais solene silêncio.
Enquanto for mais fácil culpar terceiros pelo seu fracasso. Peço que mantenha distância das atividades em grupo. Pois pessoas erram, depois erram novamente, continuarão errando. E tudo que dá certo é mérito de todos, assim como quando não dá certo, todos estão no erro e pagam juntos. Nunca funcionará de outro jeito.
Enquanto for importante o “de quem foi a ideia”, procure apropriar-se das ideias de terceiros, acreditando e investindo energia. É como se essa bobagem de “dono da bola” sequer existisse.

Tony Lopes - Designer, ativista, amante da natureza, ouve rap compulsivamente, viciado em séries e tranquilidade.
admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *