Primeiro dia de 2017 e dai?

Alguém me disse que 2017 será regido por Saturno, assim como os próximos 36 anos. Que este planeta lida com o papo reto e a integridade acima de tudo. Ou seja, em 2017 o bang vai ser doido. 

Pois então… 

Os anos que passaram me ensinaram algumas coisas sobre o ano novo e uma delas é que fecha-se sim, um ciclo. Mas não muda magicamente o quadro que estamos compondo em nossas vidas. A passagem de ano não funciona como a mudança de um gestor político, por exemplo. Os projetos iniciados ano passado e ou nos anos anteriores precisam receber um novo fôlego, ânimo e direções, de preferência sem baixas. 

Também aprendi que preciso esperar passar o carnaval para que o ano comece de verdade. Essa é a maior mentira. Os boletos permanecem chegando pontualmente e perder o time não é opção. Pelo menos se quer dormir em paz com sua consciência. 

Descobri que previsões astrológicas são infalíveis. Principalmente se você acreditar nelas. O mesmo serve para garrafadas, búzios e acupuntulra. Eu acredito em tudo isso. Mas se eu tiver a chance de conscientemente tomar as rédeas e desenhar meu próprio futuro, escolher a paleta de cores e o melhor momento para agir, é o que faço. 

Continuo achando que pra cantar a gente tem que ter dom, mas técnica também ajuda muito. Se você leu até aqui, pode me indicar uma boa escola de canto em Brasília? Quero muito aprender a cantar pelo menos no ritmo. Amo música e algo me diz que 2017 será bom pra aprender um pouco mais. 

É só o primeiro dia, mais desejos irão e virão. Escolhê-los e como vivê-los está em nossas mãos. Façamos nosso melhor! 

Ah…agora meio que tudo é daqui pra outros lugares! 

Bjons, 

Tony Lopes - Designer, ativista, amante da natureza, ouve rap compulsivamente, viciado em séries e tranquilidade.
admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *