Category: Nosso Drops

Caminhamos assim por não saber outro jeito como caminhar

Os entendidos, pois, resplandecerão como o resplendor do firmamento, e os que a muitos ensinam a justiça refulgirão como as estrelas sempre e eternamente. E tu, Daniel, fecha estas palavras e sela este livro até ao fim do tempo: então muitos passarão, lendo-o, e a ciência se multiplicará. DANIEL 12:3-4 (FERREIRA DE ALMEIDA)

Verdade é que estamos em um caminho evolutivo. Também é incontestável que, em comparação aos séculos que se passaram, temos uma sociedade mais humana, justa e até mais afetuosa. Sim coisas terríveis ainda acontecem e nos deixam boquiabertos.

Estamos no segundo mês de 2017, começamos meio com o pé direito o ano. Várias coisas desagradáveis nos esperavam no primeiro de janeiro. Mortes estúpidas, assassinatos sem precedentes, situações de constrangimento nacional e novas fases de operações da polícia federal. Algo fora de nosso alcance no nível das resoluções, mas visível através de nossas telas.

Entre as muitas coisas que ainda nos incomodam muito, estão as relações abusivas, homem/mulheres. Inacreditável como ainda vivemos em tempos onde o macho ainda subjuga a fêmea, como nos tempos das cavernas ou algo que o valha. E o pior disso, como as mulheres ainda calam, mesmo sem consentir, talvez por saber que a sociedade aceita bem o papel do macho abusivo, cheio de vontades e desejos incontroláveis.

Temos razões suficientes para nos entristecer com os quadros que nos são apresentados cotidianamente. São cenas e relatos que deixam qualquer ser irracional com vergonha. Os últimos episódios envolvendo ódio e sexismo deixam a sociedade indefesa em meio a uma gama de possibilidades de ter sua integridade física/psicológica afetadas por tais eventos.

Se você me perguntasse minhas soluções para tudo que está rolando mundo afora, eu diria o que os avatares que nos visitaram já disseram: Só o amor resolve. Mas penso que para cada área da sociedade há um jeito específico de se lidar com as coisas.

Dos abusos sexuais e/ou envolvendo um ente fraco e um forte (normalmente homem e mulher)

Magnetismo não é a melhor palavra, mas ajuda quando o tema é “Sedução”. Somos magnéticos, temos poder de atrair e, a menos que você seja doente mental, saberá entender quando uma mulher disser ‘não’. E nem sempre esse não será verbalizado, o olhar fala, os gestos falam. As vezes a moça não se posiciona por estar em situação de fragilidade total, mas isso não significa que ela quer dar pra você.

Costumo dizer que, mesmo sendo feinho, baixinho, barrigudo e careca, minha transmissão magnética sempre funcionou. E quando pedi pra alguém tirar a calcinha, obtive êxito. Nunca precisei pegar ninguém a força. É por isso que fico puto quando vejo caras com potencial maior para estar acompanhado de alguém fazendo merdas como, por exemplo, forçar situações sexuais onde elas não existem.

Encontrar a vontade do outro, e se ver encontrado por esta mesma vontade é o que faz com que, mesmo uma transa casual seja algo gostoso de se viver. E não há crime e/ou erro algum nisso. Acontece e costuma ser bom.

O que não é bom, nem nunca foi, é forçar pessoas a fazerem algo que não querem ou se sentem a vontade para fazer. A isso chamamos abuso, estupro, etc,. E há leis severas em nosso país para isso.

Dos crimes passionais

Acabou a relação, temos dois lados de uma história, as causas do fim e o único motivo que faz as relações acabarem, ou seja, um dos lados deixou de sentir, ou ambos os lados estão de saco cheio. Mas para que haja o crime, é preciso que um dos lados esteja insatisfeito com o término. Normalmente é o homem e, consequentemente, é essa figura que comete os atos absurdos.

Não há remédio para coração partido, dói mesmo quando acaba. Não queremos imaginar a pessoa amada em outros braços, queremos morrer, tomamos todas, comemos gente sem sabor só pra fazer de conta que ainda temos algum apelo sexual. Entendo você, nobre amigo. Só o tempo cura, trás outras pessoas, um novo amor floresce e você percebe, por fim, que não se morre quando o relacionamento acaba, pelo contrário, renascemos para uma nova perspectiva, aprendemos e seguimos.

Infelizmente, ainda vivemos tempos onde os machos alfa não conseguem assimilar isso. Então ainda vivemos em um país onde julga-se matar por amor, quando na verdade é o ódio e a rejeição operando.

Para finalizar, deixo alguns recado simples aos do meu  gênero:

1- Mulher é bom. Não, mulher é uma delícia. Mas não pertence a você ou a mim. São de si e se dão quando seus corações ardem.

2 – Você não tem direito de ultrapassar os limites que ela coloca.

3 – Tenha um mundo interno. Gostou, achou incrivelmente gostosa? Você não tem a menor chance com ela? Masturbe-se. Isso mesmo. Vá até o fim em suas fantasias. Você vai perceber que ao abrir os olhos nada pode te condenar, nem ninguém. Pois quem irá provar que você obteve tudo que queria sem ferir ninguém? Imaginação é tudo.

4 – Acabou o relacionamento? Deixa a moça ser feliz. Ela merece tanto quanto você.

5 – Mas você ainda a ama? Bole um plano e a reconquiste, o tempo é rei em criar oportunidades.

6 – O fim de um relacionamento não significa o fim da vida. Mas o início da retomada das rédeas de sua própria vida. Sofrer é parte.

7 – Se há dúvida, ciúmes excessivo e atitudes de desrespeito. Talvez não seja amor e você só seja um babaca mal amado na infância. Freud explica.

8 – Faça uma análise breve de quantas pessoas já passaram em sua vida e você sobreviveu sem elas. Ninguém é insubstituível (clichê real), e você precisa de amor próprio para que o magnetismo que há em você encante o outro.

9 – Coincidências não existem. Todos (sem excessão) sabemos quando um relacionamento está na bancarrota.

10 – Admita seus erros, peça desculpas e prometa pra si mesmo agir de forma diferente em uma próxima oportunidade. As vezes dá certo.

Sei que se conselho fosse algo bom não se dava. Mas, nessa vida louca, nem tudo se pode comprar. Entendo também que caminhamos assim por não sabermos como caminhar. Tentemos aprender.

Bjons,

 

11 Resoluções básicas para 2017 pq sim

1 – Continuar sem me meter na vida alheia.

2 – Me meter na vida alheia quando convidado e remunerado por isso.

3 – Mastigar e saborear melhor os alimentos.

4 – Viver no presente o mais tempo possível.

5 – Criar menos expectativas com relação à espécie.

6 – Adquirir uma Wacom e ganhar 60% do meu sustento através dela.

7 – Visitar mais minha mãe.

8 – Praticar caminhada longa com amigos da 3ª idade e ali ouvir bons conselhos.

9 – Aulas de canto.

10 – Estudar mais e seriamente PNL.

11 – Lançar meu livro.

Por hora, seus bonito!

Tony L. Draper
#Newyaear #quotes

Nosso Drops versão “restart again”

 

1 – Você já experimentou passar por situações difíceis sem se entorpecer, embriagar ou perder o controle? Vai por mim, é uma adrenalina diferente, boa mesmo.

2 – O mês de outubro tá “bombadão” no meu horóscopo. Se tudo sair como escrito, não voltará nenhum cheque até 2020.

3 – Depois de muito tempo admirando algumas pessoas. Vi que elas têm algo muito peculiar em comum: Planejam 10 anos à frente.

4 – A diferença entre “cego” e “ego”, é que o primeiro enxerga mais e melhor que o segundo.

5 – Não entendo muito bem o que está acontecendo no mundo. Às vezes acho que poderíamos dar uma pausa nessa corrida rumo a lugar nenhum e dar uma atenção ao que realmente importa: Nós, nossa raça e existência harmônica.

6 – Me preparando para o projeto mais ousado da minha vida. Deus nos ajude. #ods #onu

7 – A Anita cantou 3 musicas e ganhou o que eu levo um ano pra ganhar trabalhando 10h por dia. Tem que vê issaê.

8 – As vezes as coisas precisam piorar, para então melhorar. Exceto quando não há como piorar. Nesse caso, espere melhoras.

9 – Desarme-se. Ninguém está contra você. Talvez você mesmo. Então…baixe a guarda e se aceite. #hs

10 – “Nosso pensamento nos dirige pra vida que queremos ter” Haroldo Dutra Dias.

Tony L. Draper e HS
#nossodrops

Nosso Drops versão insônia dos nobres

 

1 – Já matei 35 pernilongos esta noite. A quem interessar possa.

2 – Apaixonado pelos diários de Andy Warhol. #books

3 – Não sei o quanto é possível fazer para ser feliz. Mas sei que estar triste é parte do processo.

Uma vez fiquei tão triste que passei três dias trancado em casa. Hoje já consigo estar extremamente triste enquanto desenvolvo as tarefas que mantém minha subsistência.

Massa é quando passa a tristeza. Toda folha de árvore ganha um verde especial, o vento na cara do início de novembro ganha um ar europeu. Chamamos os que deram o aconchego pra um chá.

Enfim, setembro e outubro costumam ser meses bem melancólicos e carregados de situações bem desagradáveis. Mas sempre passa em novembro. Ufa! #vidareal

4 – Estou aprendendo um novo modelo estratégico para alcance de resultados. Quando estiver no ponto vou rodar os #ods da #onu nele. Ansioso.

5 – Estou colecionando cada história maneira de superação que às vezes acho que vou ser best-seller de autoajuda. Sem nenhum preconceito.#writerdream

6 – Acho que sou um dos poucos evangélicos que se tornou espírita.#religion

7 – A sociedade é muito doida. Às vezes dá um nó na cabeça. Parece que fazem de sacanagem. Eu acho que nunca vou me acostumar com a miséria, violência e desespero que a rua estampa. #underground

8 – Quanto tempo é preciso pra curar um trauma?

9 – Tenho um amigo de 50 anos que está se reconstruindo. No auge dos meus 36, graças a ele (o exemplo deste amigo), estou acreditando nisso pra minha vida também. Vejo Deus nisso.

10 – Passe o difícil no silêncio, a alegria na contemplação e as consequências de seus atos com determinação de tornar-se melhor. #hs

#nossodrops

Nosso Drops versão segundona da ralação

1 – Laerte Bessa chamou o governador de maconheiro. E eu fiquei rindo disso desde a hora que soube. Afinal, todos sabemos que Rolemberg não fuma, ou melhor, fuma mas não traga.

2 – O mundo do rap no DF tá meio estremecido. Deus nos ajude, pq rap é muito bom pra ficar ruim. Positividade aí, família.

3 – O Malafaia anda meio sumido neam?

4 – A Felicidade tem mais a ver com acreditar no amanhã do que eu pensava. Esperança muda tudo.

5 – Nunca desliguei o telefone pra não atender um cobrador. Pretendo passar o resto da vida assim. Quem me conhece sabe.

6 – O mais perto que se pode chegar da perfeição é conseguir assumir a imperfeição que em si habita. Antes mesmo de reconhecê-la no outro. Tipo se enxergar, saca?

7 – Assimilar, eis uma palavra interessante.

8 – Se eu pudesse voltar no tempo?
Frequentaria mais fliperamas.

9 – Ter fé é massa demais. Acho uma das coisas mais fodas da raça humana. O rito, o modo/ou modos, Deus, os demônios, anjos, guias. Que diversidade de transcendências. Por mim as religiões todas era uma.

E os fiéis, evangelizando, outros exortando, enquanto outros impõem suas regras. O bagulho é doido. Culpa vira rotina, de joelho geral, bora que Deus tá chateado.

10 – Volta É o Tchan!

Tony L. Draper
#nossodrops

Nosso Drops versão “evoluindo enquanto tento ficar inteiro” (parafraseandoConrado Vieira)

1 – Um dia você vai ser cagado da cabeça aos pés. Baixará a cabeça e, por incrível que pareça, sobreviverá.

2 – Usando e abusando da reza de mainha. Se tudo der certo, vamos de classe econômica, mas vamos.

3 – Com tanta notícia triste no mundo, ainda encontramos aqueles que têm as palavras de otimismo. Acreditar é fundamental.

4 – Vou escrever um livro com o título: A arte de aceitar as coisas como elas são!

5 – O mundo não aceita muito bem essa coisa de “encarar seus medos”. Quando um em mil encara, nego pira. Faz parte do treino.

6 – O Cunha, pois é. O que dizer desse rapaz? Será que vai pra delação premiada? Seria bom neam?

7 – A Chuva chegou de um jeito estranho. Deus ajude nosso povo.

8 – Meu primeiro desejo depois que pagar todas as minhas dívidas: Curso de sabonetes aromáticos.

9 – Um CD de Rap. Vo gravar. 🙂

10 – Alegria que vem da justiça trás a boa insônia. Parabéns, estamos orgulhosos. #hs

Só por enquanto…

Enquanto seu protesto estiver nas palavras. Espero que tenha o bom senso de sair da frente e deixar quem faz, continuar fazendo. 
Enquanto suas palavras forem “não vai dar certo”, “é impossível” ou “vamos falhar”, sugiro seu mais solene silêncio.
Enquanto for mais fácil culpar terceiros pelo seu fracasso. Peço que mantenha distância das atividades em grupo. Pois pessoas erram, depois erram novamente, continuarão errando. E tudo que dá certo é mérito de todos, assim como quando não dá certo, todos estão no erro e pagam juntos. Nunca funcionará de outro jeito.
Enquanto for importante o “de quem foi a ideia”, procure apropriar-se das ideias de terceiros, acreditando e investindo energia. É como se essa bobagem de “dono da bola” sequer existisse.

Nosso Drops…

  1. Quem ama, peida abraçado.
  2. Onde esinam que ao ser bem-sucedido você deve viver reclamando da vida?
  3. Juscelino devia tá muito louco quando fez Brasília. Essa cidade é linda demais.
  4. Meus problemas, seus problemas, nossos problemas e os problemas do mundo. Tem espaço para todos. Vamos!
  5. Não vejo a hora de proibirem o uso do Kama Sutra. Vocês são demais.
  6. Não é a escolha errada que nos leva ao fracasso, mas a inércia diante de uma.
  7. Eu não tenho mais idade para comparar tamanhos de órgãos genitais. Estou satisfeito com o meu. Sério. 
  8. Projeto, Conceito, Avaliação, Execução e Aprovação. A fórmula para um projeto bem-sucedido. 
  9. Quanto você acha que vale sua sanidade? 
  10. Minhas melhores escolhas foram feitas sob conselho de pessoas que nem imaginam o bem que me fizeram. Amo pessoas de bom senso.

1 – Confundir senso de oportunidade com oportunismo é muito comum nos dias de hoje.
Cabe o ditado: O que é do homem o bicho não come! Fim.
2 – O homem não entende a natureza, mas a natureza sabe como se fazer ouvir. Vale reflexão!

3 – “A ambição é o último recurso do fracassado.” – Oscar Wilde

Originalmente postado no Instagram, dia 04 de março de 2015

Nosso Drops…